quinta-feira, 29 de abril de 2010

ana e mia?

                                                        a foto mostra um caso de anorexia.

Meu post de hoje será um pouco mais sério, falando sobre essas duas doenças que estão presentes na vida de muitas adolescentes, eu fiz esse post a pedidos, espero que gostem.
Ps.: Hoje, teremos entrevista com V, uma adolescente que é Mia e pró-ana que concordou em me ajudar com o post.





O que é na verdade bulimia e anorexia?
             Um texto sugerido, explicará melhor o que é cada uma das duas doenças:

"Olá. Meu nome, querida, é Bulimia. Mas para nos tornarmos mais íntimas, pode me chamar de "Mia". Eu serei sua amiga de emergência, aquela que nas horas em que o cinto apertar você poderá contar comigo. Quase sempre acompanhada de nossa querida amiga Anna, e assim nós seremos poderosas, nós moderamos você ao nosso gosto, e assim vai conhecer o caminho da perfeição. Às vezes ficarei com ciúme da atenção que você dará à Anna, mas sei que quando a trai é a mim que você recorrerá, após suas terríveis compulsões. Quando comer mais que uma baleia, e sentir-se enorme, sou eu que lhe ajudarei curvando seu corpo à pia, ou ao vaso sanitário, fazendo com muita força; forçando sua garganta para que toda aquela comida nojenta saia descarga abaixo, e assim você se sentirá limpinha, renovada e com um belo estômago de pena. Porque você não pode pôr tudo a perder... Porque Anna e eu controlamos sua mente para que chegues à perfeição. Isso, garota, curve-se perante mim e use seus dedos, sua escova de dente ou até mesmo um pedaço de pau, deixe tudo sair até a última gota, quero sangue saindo de sua garganta e estômago. Não chore, é assim mesmo o caminho da perfeição. É doloroso. Agora levante-se sente-se um pouco, relaxe. Veja como você se sente bem melhor, não é mesmo? Está tudo limpo em você, agora sim, boa garota... Sabia que ia compreender o que se passa. Você está indo no caminho certo. Ainda falta muito e por isso trate de se empenhar... Estou aqui para o que der e vier, qualquer coisa é só me chamar.
Abraços, Mia"

“Permita me apresentar. Meu nome, ou como sou chamada, pelos também chamados ‘doutores’é Anorexia. Anorexia Nervosa é meu nome completo, mas você pode me chamar de Ana.”
Assim é o início da carta de ANA (Anorexia). Essa é uma carta MUITO conhecida, é fácil de achar em blogs, eu vou colocar apenas alguns trechos, mas ao darei o nome do site onde achei para que vocês a leiam inteira, se for de interesse.
“Você não tem permissão para comer muito. […] Quando eu fizer um prato de alface, será como uma refeição de rei!” [...] “Vou te tirar a vontade de sair com pessoas de sua idade, e tentar agradar todos eles. Pois agora eu sou sua única amiga, eu sou a única que você precisa agradar!”.
“Deus, você é uma vaca gorda!!! Quando as horas das refeições chegarem, eu vou te dizer o que fazer. […] Você olha no espelho com enjôo” – Essa parte do texto, para mim é uma das mais fortes, porque mostra a baixa autoestima de anorécticos e os bulímicos, e a repulsa que estes sentem pelo seu corpo.
É um texto MUITO grande e não tem como colocar ele inteiro aqui, mas quem se interessar quiser ler:
Carta da Ana.



Porque os nomes ANA e MIA?
Ana vem da anorexia (não comer) e Mia vem de Bulimia (vomitar).
Ser pró-ana e pró-mia é ser a favor ou praticar as vezes.

acima, um caso de bulimia.

Bom, vamos agora com a entrevista com a V. que esclarecerá melhor que eu UEAHUEAH.

Tatz: V, porque e quando você começou a desenvolver a bulimia?
V: Sempre sofri bullyng na escola e meu pai me chamava de gorda em casa.

Quando, eu realmente não sei, mas provavelmente no fim de 2008 inicio de 2009.  
Mas sempre escondi isso de tudo e todos até que as minhas amigas descobriram por que eu quase desmaiei no shopping uma vez só dai caiu a ficha que eu estava doente.


Tatz: E como você trata o ato forçar vomito? Como uma dieta ou doença?
V: No momento que eu estou vomitando sinto uma felicidade imensa, como se tudo aquilo que me machucasse fosse para fora.
Depois, quando alguem me critica me sinto mal e quando me olho no espelho me sinto bem novamente.
Mas depois de tudo isso vem aquela culpa quando você sente a sua garganta doer.


Tatz: E seus pais já sabem?
V: Não. Meu pai jamais vai saber e eu vou contar para a minha mãe.


Tatz: E você pretende se tratar ou quer continuar?
V: Quero me tratar mas acho que vou continuar vomitando quando me sentir mal, sabe isso libera tudo o que eu sinto de ruim.


Tatz: Libera tudo que sente de ruim? Você sabe o quanto isso prejudica a sua saúde?
V: Sei. Esse é o problema da bulimia, você sabe o que você tem mas não para.


Tatz: Você consideraria então que do mesmo modo que um dependente químico sofre para largar as drogas, uma bulímica, também sofre então para parar mesmo querendo?
V: Exato. As pessoas acham que é fácil, mas não é.

Tatz: Mas você também acredita que com ajudas profissionais, pode parar?
V: sim.


Tatz: E você quer?
V: Quero.


Tatz: Você acredita que meninas mia's e ana's são felizes com sigo mesmas?
V:As vezes. Quando subimos numa balança e vimos que emagrecemos 5 quilos é uma vitória. Depois nos olhamos nos espelho e nos achamos gorda dai continuamos com isso.
Por isso nunca paramos, somos obcecadas com nosso peso.


Tatz: Se você pudesse dar uma dica para as adolescentes mias ou anas, o que diria?
V: Para as que estão começando, parem. Para as que estão em casos mais avançados e estão em tratamento, força. E para as que querem emagrecer, procure um nutricionista.


Tatz: Para encerrar com chave de ouro, quer falar mais alguma coisa para minhas leitoras?
V: Queria dizer que elas devem ser sensuais que nem você. Q



EUAHUEAHAEUAEH, adooooro.
Então é isso V., te desejamos forças e acreditamos em você. Porque quando a gente quer, a gente pode! Eu sei que logo logo você estará com uma saúde perfeita e bem consigo mesma.
E obrigada por ter nos ajudado com a sua entrevista, espero que ela sirva de lição para muitas meninas.
Ah, meninas, se estão se achando acima do peso vá a uma nutricionista [2].
Então gente, é isso, espero que tenham gostado desse post.
Kiss,

7 comentários:

Anônimo disse...

Adorei o post =)mtmt bom

mari ® disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
- Bells disse...

Ameeeeeeei (:

Vie disse...

Tipo, muitas palmas para voce e para a V. Para voce por tomar a iniciativa de fazer uma coisa muito importante como esta, e pra V pela coragem de mudar. Toda força do mundo para ela.

adorei o blog *-*

# victória q disse...

PARABÉNS TATZ, mais uma vez ahazando. Seus posts são os melhores e desejo força para a V. e sucesso pra você.

PALOMA disse...

adorei o post *-*

Anônimo disse...

MUITO BOM O POST, MUITO MESMO.

V., espero de coração que você consiga parar, essa prática acaba com a sua vida e com as das pessoas ao seu redor, pode crer que você é ninda e çeduzent e não precisa de mia nem ana nenhuma para ser cáti ;D

Postar um comentário